Meu Dog

Coronavírus em cachorro

Estamos preocupados com o Coronavírus que esta afetando a vida das pessoas no Brasil e o mundo, imagine se os nossos animais de estimação também fosse hospedeiros do COVID-19 e passassem essa doença na mesma proporção que nos humanos passamos? Sera que os cachorros podem transmitir o Corona Vírus? Saiba mais abaixo:

cachorro com covid 19

O coronavírus pode infectar os cães?

Os COVID-19 não escolhe o seu hospedeiro e esse vírus foi detectado em muitas espécies de mamíferos e aves, incluindo os cachorros, além de animais como vacas, galinhas e porcos. Existem evidências de infecção por COVID-19 em animais domésticos. Um cachorro de 17 anos de idade em Hong Kong testou repetidamente “fracamente positivo” para coronavírus em março e depois morreu. Um Lhasa Apso, na Bélgica deu positivo para a doença no dia 24 de março de 2020.

Um estudo realizado por pesquisadores do Instituto de Pesquisa Veterinária Harbin na China, examinou a suscetibilidade de várias espécies ao COVID-19, incluindo gatos e cães, usando um pequeno número de animais.

Os resultados demonstraram que os gatos podem estar infectados com o coronavírus e podem espalhá-lo para outros gatos por meio de gotículas respiratórias. A equipe colocou animais infectados em gaiolas ao lado de três animais sem a doença e descobriu, em um caso, o vírus se espalhou de gato para gato.

via GIPHY

Os cachorros parecem ser mais resistentes. Cinco Beagles de 3 meses de idade foram inoculados com SARS-CoV-2 através da passagem nasal e alojados com dois cães que não receberam o vírus. Após uma semana, o vírus não foi detectado em nenhum cachorro, mas dois haviam gerado uma resposta imune. Os dois cães que não receberam o vírus não o adquiriram de seus companheiros de teste.

Uma das principais conclusões, conforme destacado pela Nature, é que esses experimentos foram realizados em laboratório e que altas doses do coronavírus foram usadas para infectar os animais, o que provavelmente não reflete as condições da vida real. No entanto, os gatos parecem propensos a infecções.

O IDEXX Reference Laboratories, um consórcio de laboratórios de testes em todo o mundo, anunciou em março que havia criado um kit de testes para felinos e caninos. Depois de executar testes em mais de 4.000 amostras dos EUA e Coréia do Sul, não encontrou resultados positivos.

Posso pegar COVID-19 do meu cachorro ou gato?

corona virus em cachorro

(Cachorro Samoieda e seu dono)

Ainda não sabemos muito sobre a transmissão do COVID-19, mas o ponto mais importante a ser reiterado: Há uma falta de evidência de que o coronavírus seja transmitido por animais de estimação e animais de companhia.

“Não há absolutamente nenhuma evidência de que os animais de companhia tenham algum papel na epidemiologia desta doença”, disse Trevor Drew, diretor do Laboratório de Saúde Animal da Austrália. Drew e seus colegas da AAHL estão testando vacinas em furões em ensaios pré-clínicos para avaliar a segurança e a eficácia de novos tratamentos. Os furões são usados ​​no estudo porque são particularmente suscetíveis à infecção pelo coronavírus. No entanto, é improvável que mesmo os donos de furões contraiam a doença de seus amigos peludos.

Drew observa que os pesquisadores da AAHL não estão vendo “doenças clínicas evidentes” em seus furões, mas “eles parecem ter uma temperatura leve e replicam o vírus”. Pode ser que o SARS-CoV-2 possa infectar esses animais, mas não possa se replicar o suficiente para causar o conjunto de sintomas que definem o COVID-19 humano.

Posso pegar o coronavírus através da pele do meu cachorro ou gato?

O risco é baixo – mas não zero – porque o coronavírus pode sobreviver em superfícies e é capaz de ser transmitido por gotículas. Teoricamente, ele pode persistir no pelo; portanto, você deve sempre lavar as mãos antes e depois de interagir com elas, se não se sentir bem.

“As pessoas parecem representar mais riscos para seus animais de estimação do que para nós”, disse Glenn Browning, microbiologista veterinário da Universidade de Melbourne, na Austrália.

Como posso proteger meus animais de estimação do coronavírus?

Se você se sentir mal e acreditar que pode ter contraído o COVID-19, a primeira coisa a fazer é fazer o teste. Se você suspeitar que não está bem, a recomendação dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças é “restringir o contato com animais de estimação e outros animais, ISOLAMENTO, mesma técnica e ação com outras pessoas”.

O melhor método de proteção continua sendo a prevenção. Para reduzir seu risco de infecção siga as dicas abaixo:

  • Lave as mãos: por 20 segundos e nada menos!
  • Mantenha o distanciamento social: tente manter pelo menos 1,5 metro de distância de qualquer pessoa que tosse ou espirra.
  • Evite tocar em seu rosto, olhos ou boca: uma tarefa difícil, mas é assim que o vírus entra no corpo.
  • Medidas de higiene respiratória: tosse e espirre no cotovelo!

Se você estiver doente, considere colocar em quarentena seus animais de estimação em casa e limitar seu contato com eles o máximo possível. Você não precisa isolá-los, mas tente limitá-los a um ou dois cômodos da casa, use uma máscara ao seu redor e lave as mãos.

Fonte: https://www.cnet.com/how-to/coronavirus-and-pets-how-covid-19-affects-cats-and-dogs/

Ler e Compartilhar:

Quais Frutas os cachorros podem comer?

Diarreia em Cachorros? O que fazer?

Categorias:Meu Dog, Saúde de Cachorro

Marcado como:,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.