Animais de Estimação

10 Dicas Para Adestrar seu Cachorro

Meus parabéns! Você agora tem um filhote de cachorro que você adotou ou comprou, eu aposto que você e seus familiares estão super felizes com o novo membro(a) da família. Eu sei que bate aquela sensação de alegria, misturado com o medo da responsabilidade de cuida por no minimo uns 10 anos do seu melhor amigo. Fique tranquilo(a) vai dar tudo certo! Dar amor ao seu filhote e o melhor adestramento que existe.

No post abaixo selecionamos 10 dicas de adestradores profissionais de como treinar melhor o seu filhote de cachorro para você e ele ter uma vida leve e equilibrada.

10 Dicas de como Adestrar Cães 

filhotes de labrador em sp

1. Escolha o nome do seu cachorro com criatividade, você pode acessar a nossa lista de 1000 nomes de cachorro, para fazer o treinamento do seu cachorro mais fácil, considere um nome curto com uma consoante forte. Isso permite que você diga o nome dele para que ele sempre possa ouvi-lo claramente. Um final forte (por exemplo, Simba, Luna, Sansão) os cães prestam mais atenção, especialmente quando você coloca uma ênfase forte no final.

Se ele é um cachorro mais velho, provavelmente estará acostumado com o nome dele; no entanto, alterar o nome pode ser uma opção. Caso você tenha adotado esse cachorro e ele está saindo de uma situação abusiva, um novo nome pode representar um novo começo. Os cães são extremamente adaptáveis. E logo, se você usar o nome nome de forma consistente, ele responderá facilmente.

Nome novo ou antigo, tanto quanto possível, tente focar em significados agradáveis ​​e divertidos, em vez de negativos. O objetivo é que ele pense em seu nome da mesma maneira que pensa em outras coisas importantes em sua vida, como “passear”, “biscoito” ou “hora de comer”

2. Decida quais são as “regras da casa”. Antes de ele chegar em casa, decida o que ele pode ou não fazer. Ele é permitido na cama ou nos móveis? Partes da casa estão fora dos limites? Ele terá seu próprio lugar na sua mesa de jantar? Se as regras forem estabelecidas cedo, você poderá evitar confusão para os dois.

3. Organize o local que seu cachorro vai ficar por mais tempo. Ele precisa de “um quarto próprio”. Desde o primeiro momento possível, dê ao seu filhote ou cachorro o seu próprio local para dormir que não é usado por mais ninguém na família ou outro animal de estimação. Ele se beneficiará de curtos períodos deixado sozinho no conforto e segurança de sua casinha ou toca. Recompense-o com biscoitos de cachorro ou algum petisco se ele permanecer relaxado e quieto. Uma casinha ou uma caminha para seu cachorro dormir, também será uma ferramenta valiosa para o treinamento.

como adestrar o seu cachorro

4. Ensine o seu cachorro a vir quando for chamado. Simba VEM! Bom garoto! Ensiná-lo a vir é o primeiro comando que você deve executar. Quando ele estiver atendendo Simba VEM! Bom garoto! use apenas o nome dele. Simba! Quando ele fizer isso, faça uma grande festa, seja dando carinho ou um petisco. Repita essa técnica quando ele estiver ocupado, fazendo algo que desvia a atenção dele. Sempre que ele executar a sua ordem, recompense-o.

5. Ajude seu cachorro a relaxar quando voltar para casa. Quando seu filhote chegar em casa, coloque uma garrafa de água quente perto dele quando ele for dormir e um relógio que tenha o barulho do TIC-TAC. A água quente imita o calor dos seus irmãos e o relógio, os batimentos cardíacos. Isso vai acalmar o seu novo companheiro. Isso pode ser ainda mais importante para um cachorro adotado que passou por um período difícil. Tudo o que você puder fazer para ajudá-lo a se sentir confortável em sua nova casa será bom para os dois.

6. Recompense seu cão por bom comportamento. Recompense o bom comportamento do seu cachorro. Use guloseimas, brinquedos, amor ou montes de elogios. Deixe-o saber quando ele está acertando. Da mesma forma, JAMAIS recompense o mau comportamento; isso apenas o confundirá.

como adestrar um cachorro

7. Cuidados com os pulos do seu cachorro. Filhotes gostam de pular quando querem fazer a festa. Não o repreenda, apenas ignore seu comportamento e espere até ele se acalmar antes de dar um agrado ou atenção. Nunca encoraje o comportamento de pular dando tapinhas ou elogiando seu cão quando ele estiver na posição de “pular”. Dê as costas para ele e não preste atenção nele. #ignoromesmo

8. Não aceite ele te morder mesmo que de brincadeira. Ao invés de brigar com seu cachorro, uma ótima maneira de treinar ele é fingir que você está com muita dor quando ele está mordendo. Ele ficará tão surpreso que provavelmente parará imediatamente. Se isso não funcionar, tente trocar a sua mão por um brinquedo. O truque de troca também funciona quando ele usa seus tênis favoritos. Caso essas dicas falharem, interrompa o comportamento de morder e depois apenas o ignore. Quando ele parar de morder, diga, Bom Garoto!

9. A Hora do Cachorro. Filhotes e cães vivem o momento. Dois minutos depois de terem feito algo, eles esquecem. Quando ele estiver fazendo algo errado, escolha umas das técnicas descritas acima, o seu filhote de cachorro vai ter a chance de fazer a associação entre o comportamento errado e a correção. A repetição consistente reforçará o que ele aprendeu.

10. Elogios e carinhos são a chave para um bom treinamento. Toda vez que seu cachorro fizer algo correto, elogie, beije de bastante atenção e petiscos. Isso garante que ele estará mais disposto para aprender novos truques e ser assim um cachorro com excelente comportamento.

Espero que tenha gostado desse artigo. Por favor, compartilhe com seus amigos e curta a nossa pagina no Facebook e siga o nosso canal no Youtube.

Forte Abraco!

Mauricio Sordille

Categorias:Animais de Estimação, Meu Dog, Slider

Marcado como:,